segunda-feira , 16 dezembro 2019
Início / Cidade / Situação das vias é péssima em alguns locais da cidade
Esta é rua de acesso ao bairro Chico Xavier, que piora cada vez mais

Situação das vias é péssima em alguns locais da cidade

No Chico Xavier, no Distrito Industrial e na Vila dos Comerciários há ruas muito ruins

A Prefeitura anunciou na semana retrasada o contingenciamento de seus gastos, o que pode comprometer por um tempo um dos serviços mais cobrados pela população: os tapa-buracos. A quantidade de ruas e avenidas esburacadas diminuiu em relação a dois anos atrás, por conta de recapeamentos e das obras emergenciais já efetuadas, mas alguns lugares permanecem com problemas crônicos.

Gazeta cita três desses lugares nesta edição e apresenta, pelas fotografias, o estado atual em que se encontram, necessitando urgentemente de algum reparo – mesmo que seja mediante aplicação de cascalho, o que já aliviaria um pouco a situação. Essa foi, inclusive, a solução paliativa sugerida por um motorista de ônibus que passa com o Circular da Tuga pelos três lugares descritos nesta matéria.

A avenida dos Braghettas, no trecho entre o Distrito Industrial e o Eduardo Cassucci/Vila do Servidor, está com a pista de ida aos dois bairros cada vez pior. Por ali passam os ônibus da Tuga que atendem toda aquela região, incluindo Carlos Cassucci e Professor Redher, e também é passagem obrigatória de todos que possuem veículo e que trabalham no Distrito. Caminhões da CPFL que entram e saem do pátio de veículos e de cabos eletrônicos da empresa usam muito a avenida.

Frágil demais para suportar tal volume diário de carros e veículos pesados, o asfalto já recebeu inúmeros serviços de tapa-buracos nos últimos anos e há previsão de um recapeamento talvez para 2020, se vier a verba que a Prefeitura ficou de receber do governo estadual para recape no Distrito.

Enquanto isso não ocorre, porém, é consenso entre os que transitam com seus carros por aquela via que algo precisa ser feito com urgência, antes da temporada de chuva neste final de ano. O motorista de um dos ônibus que passam por ali sugeriu que a Prefeitura, se não tiver massa asfáltica, que jogue ao menos cascalho em todos os buracos e passe o rolo compressor para compactar o material.

“Seria um quebra-galho de emergência, mas ao menos diminuiria os danos que atualmente ocorrem na suspensão de todos os veículos que passam por aqui”, disse ao jornal um dos motoristas. Os passageiros do Circular da Tuga também reclamam bastante do barulho muito alto das carrocerias naqueles buracos, principalmente à noite, quando os motoristas, já cansados e ávidos por encerrar seus turnos, não reduzem a velocidade naquele trecho.

Em estado crítico

Outro local crítico demais, quase intransitável, é a rua Reynaldo Miranda, na Vila dos Comerciários (anexa à Vila Verde), num trecho pequeno e transversal de aproximadamente 25 ou 30 metros que une as ruas Domingos Possebon e Paschoal Frontera. Na verdade, nenhum morador do lugar sabe o nome da referida rua porque não há placa de identificação em ponto algum, mas nos guias da cidade esse trecho é chamado de Reynaldo Miranda.

Já são cerca de 5 anos que essa rua começou a esburacar e, como é passagem obrigatória dos ônibus da Tuga que fazem o itinerário Eduardo Cassucci-Centro e vice-versa, ela só piorou nos últimos meses. Por mais que os motoristas se esforcem e passem por ali com os ônibus quase parando, os trancos na suspensão são fortes.

Uma solução seria a Tuga desviar o itinerário de seus veículos para a rua Domingos Possebon, passando um ponto de parada existente na rua Paschoal Frontera para ela. Isso, no entanto, não elimina o problema da rua Reynaldo Miranda, que continua cada vez pior.

No Chico Xavier

Conforme a Gazeta já divulgou em outras ocasiões, a entrada do bairro Chico Xavier pela avenida Américo Emílio Romi está caótica há mais de um ano e, até o momento, nada foi feito. Os buracos são semelhantes aos da rua Reinaldo Miranda, na Vila dos Comerciários, ou seja: estão espalhados por toda a largura do pavimento e os veículos não têm opção alguma de escape.

Além disso, os trancos contra a suspensão dos carros e as torções das carrocerias dos veículos mais pesados são muito fortes quando entram ou saem do bairro, já que as duas pistas estão igualmente deterioradas.


É muito ruim o estado geral da pista que vai do Distrito ao Cassucci

Buraco enorme na entrada da rua Reinaldo Miranda, na Vila dos Comerciários

Confira também

Homem é preso suspeito de estuprar adolescente de 14 anos

Um homem foi preso na manhã deste sábado, dia 7, em São Carlos , suspeito de estuprar …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *