Início / Cidade / Rio-pardenses esperam o cumprimento das promessas

Rio-pardenses esperam o cumprimento das promessas

Rio-pardenses esperam o cumprimento das promessas

Moradores externam opiniões e revelam o que esperam do novo governo federal

 

Gazeta saiu às ruas esta semana para ouvir o que a população achou da cerimônia de posse do presidente Jair Bolsonaro. Leia o que os entrevistados falaram:

 

Carlos Ricardo Dias de Souza, o Cadão, secretário de Agricultura e Meio Ambiente: “Acho que  é um marco. A eleição de Bolsonaro, que vem com um pensamento novo, irá acabar com a corrupção que assolou o Brasil nestes últimos 16 anos. Na minha  área, especificamente, no meu entender, o apoio de Israel, que tem uma tecnologia mais avançada que o Brasil na área de agricultura, será  fundamental para que o Brasil avance ainda mais e consolide sua posição de maior produtor de alimentos do mundo”, disse Cadão. Ele afirmou, no final, esperar que as ações que serão implementadas por Bolsonaro e  por Tereza Cristina, a nova ministra,  possam beneficiar também as agriculturas locais.

Antonio Carlos Pisani, o Mangão, comerciante: “Eu acredito no Bolsonaro,  vai ser bom para agricultura, que precisa melhorar. Hoje não está bom. Espero melhorias e, principalmente, a fixação de um preço mínimo geral de produtos para que a classe produtora não sofra tantos prejuízos”.

Agripino Cesar Calicchio, engenheiro agrônomo: “Estou muito contente com a nomeação do ministério e estou esperando que o Bolsonaro cumpra tudo o que prometeu, tanto para a agricultura e meio ambiente”.

Silvia Evangelista, dona de casa: “Se ele cumprir o que falou, vai dar tudo certo. Precisamos de melhorias nas áreas da saúde, da segurança, no combate às drogas, entre outros problemas. Gostei do pronunciamento da primeira-dama Michele Bolsonaro, espero que desenvolva políticas que vão de encontro aos que mais precisam, principalmente as pessoas com deficiências”.

Jandira Bispo Gouveia, dona de casa: “Que melhore! Que ele colabore com os brasileiros, que gere empregos, que melhore os salários”.Em relação à esposa do presidente, Jandira  disse: “Espero que ela continue a sua luta pelos que mais precisam”.

Cristiana Ferreira, dona de casa:“Gostei da cerimônia, mas tem coisas que a gente não gosta. E assim: a gente espera que ele faça o possível pelo Brasil porque tá complicado, com muito roubo, muita coisa errada que acontece porque os bandidos tomaram conta de tudo. Há muita gente desempregada”. Sobre Michelle Bolsonaro, comentou: “Muito interessante, a gente espera que ela também possa ajudar. Gostei das coisas que ela falou, tem tudo a ver, mas vamos ver se ela cumpre o que falou, né? Que dias melhores possam vir”.

Cristiano César da Silva Filho, estudante: “Acho que acima de tudo ele tem que governar para o povo, né? Eu fui a favor do novo presidente e acho que a gente precisa parar com essa história de dividir a população e sim unir para o bem geral. A principal mudança que espero é na economia, com geração de empregos, que é essencial para o crescimento do país. Ultimamente está bem complicado procurar serviço e todo mundo fala que tem que ter experiência. Mas como ter experiência se não tem emprego?”

Isolina Marques de Farias, dona de casa: “Acompanhei a posse e, pra ser sincera, espero de tudo de bom que ele faça, tudo o que ele falou na campanha. E eu espero tudo o que ele falou mesmo, que quer tudo o de bom para o Brasil, né?  Saúde, área da educação, segurança, são as prioridades mais rápidas”. Sobre o cerimonial, afirmou: “Eu amei tudo. A simplicidade dele, a simplicidade da esposa. Acho que foi perfeito da maneira que eles fizeram”.

 

 

 

 

Confira também

Apenas 32% dos moradores de São José trabalham, diz o IBGE

E só 36% dos recursos utilizados na cidade são gerados no próprio município Levantamento do ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *