quarta-feira , 18 setembro 2019
Início / Cidade / Entrega de carnês do IPTU continua ocorrendo

Entrega de carnês do IPTU continua ocorrendo

Entrega de carnês do IPTU continua ocorrendo

Valor cobrado não inclui, por enquanto, áreas detectadas pelo georreferenciamento

A Prefeitura de São José do Rio Pardo continua realizando a entrega de
carnês do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) 2019, ainda sem o reajuste previsto e decorrente do georreferenciamento concluído no ano anterior.Quem já recebeu o carnê pode verificar que, entre outros recados, há um esclarecimento de que um segundo carnê será enviado posteriormente pela Prefeitura com o valor adicional, referente às áreas físicas ampliadas de cada imóvel. Quem nunca fez ampliação alguma, evidentemente, não receberá cobrança adicional.

Esse carnê já entregue aos domicílios prevê que o primeiro vencimento, em cota única e com desconto de 10% para pagamento do valor total à vista, vence no dia 1º de fevereiro. Também é possível pagar tudo no dia 1º de março, mas com 5% de descontos no pagamento à vista. Ou então, parcelar tudo em 10 vezes, sem desconto e com a primeira parcela vencendo em 1º de fevereiro.
O setor da administração responsável pelo IPTU comunica que se algum munícipe não recebeu o carnê, deve procurar por informações no Cadastro Imobiliário da Prefeitura para fazer a retirada. “Este comunicado também serve aos comerciantes, empresários e profissionais liberais. Quem ainda não recebeu a guia de Alvará
referente ao exercício de 2019 pode fazer a retirada no Setor de
Tributação da Prefeitura”, conclui o comunicado, que pode ser contatado pelos telefones: 3682-7811 e 3682-7812.

Áreas irregulares

Fernando Passos, secretário interino de Obras, lembrou em entrevista ao jornal nesta sexta-feira, 18, que no levantamento feito através dogeorreferenciamento ficou constatado que há muitas áreas edificadas e não regularizadas na Prefeitura, mas seus proprietários foram notificados quanto a isso.

“A partir da última notificação que foi entregue, um prazo de 20 dias foi dado para impugnação ou reclamação em relação ao acréscimo da área edificada. Não havendo justificativa, será lançado um novo carnê, conforme já consta nos carnês que já foram entregues”, argumentou Passos. “Vai ser entregue um carnê suplementar justamente por essa área, informando que aquele proprietário daquela área que foi identificada e que não está regularizada na Prefeitura terá um prazo de um ano para efetuar essa regularização”.

O IPTU é, segundo o secretário, a principal fonte de arrecadação de recursos para a manutenção do orçamento municipal da Prefeitura.

Carnê

O carnê já entregue aos munícipes contém avisos, inclusive sobre o carnê adicional a ser enviado

Fernando Passos, secretário interino de Obras: carnê suplementar será enviado

Confira também

Prefeitura pode ser obrigada a parar com o tíquete, diz Ernani

Tíquete atual é considerado inconstitucional pelo Ministério Público e a Prefeitura estuda o que fazer …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *