terça-feira , 19 novembro 2019
Início / Brasil & Mundo / Cinco escolas locais recebem medalhas na Olimpíada Brasileira de Astronomia

Cinco escolas locais recebem medalhas na Olimpíada Brasileira de Astronomia

Evento teve quase 900 mil alunos participantes e os de São José conseguiram 22 medalhas

Cinco escolas de São José do Rio Pardo conseguiram medalhas na 22ª Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA), realizada no dia 17 de maio deste ano, mas com resultados divulgados só agora por causa da quantidade enorme de participantes e projetos apresentados. Os alunos rio-pardenses obtiveram um total de 22 medalhas, entre as de ouro, prata e bronze.

Muitos dos participantes também tiveram projetos apresentados, simultaneamente, na 13ª Amostra Brasileira de Foguetes, que tem como sigla MOBFOG. Os dois eventos são organizados anualmente pela Agência Espacial Brasileira e pela Sociedade Astronômica Brasileira, ambas com sede no Rio de Janeiro.

As escolas rio-pardenses que participaram da OBA foram: Emeb Profa. Zélia Maria Zanetti, que conquistou 9 medalhas de bronze; Emeb Profa. Stella Couvert Ribeiro, com 5 medalhas (1 de prata e 4 de bronze); Colégio Santa Inês, com 4 medalhas (2 de prata e 2 de bronze); Colégio Lumen, com 2 medalhas (1 de ouro e 1 de bronze); Colégio Unigrau, com 2 medalhas (1 de prata e 1 de bronze).

A OBA teve a participação de 884.979 alunos, representando 9.965 escolas, um número tão grande que surpreendeu os organizadores; além disso, 154.578 alunos participaram da MOBFOG, representando 2.786 escolas brasileiras. Dessa forma, a conquista das medalhas pelas escolas de São José do Rio Pardo mereceu uma mensagem de congratulações do astrônomo e professor João Batista Garcia, presidente da Agência Espacial Brasileira e integrante da Sociedade Astronômica Brasileira, que sugeriu ainda que uma Secretaria Municipal da cidade (a da Educação, provavelmente) realize uma cerimônia para a entrega das medalhas.

“A Agência Espacial Brasileira, em conjunto com a Sociedade Astronômica Brasileira, que organizam há 22 anos a Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica e ainda a Mostra Brasileira de Foguetes, vem parabenizar entusiasticamente as escolas de seu município que auferiram medalhas na OBA e/ou na MOBFOG”, escreveu João Batista na mensagem endereçada à Secretaria Municipal e às escolas rio-pardenses participantes.

Confira também

Chuvas acumulam 146 mm de água e afetam abastecimento

Saerp diz que houve aumento de detritos e sedimentos nas águas do rio Pardo A …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *