quinta-feira , 2 julho 2020
Início / Brasil & Mundo / Confinamento faz crescer golpes de cartão e os falsos sequestros, confirma o delegado Noronha
Delegado Benedito Noronha: denúncias podem ser feitas online para apuração dos fatos

Confinamento faz crescer golpes de cartão e os falsos sequestros, confirma o delegado Noronha

Golpistas visam principalmente os idosos, ligam e obtém informações comprometedoras, alerta delegado Noronha

O delegado seccional Benedito Antônio Noronha Júnior, em entrevista ao jornal e à Difusora FM, alertou os moradores sobre os golpes que vêm acontecendo em relação a cartão de crédito ou até falsos sequestros no país, incluindo até mesmo na região, por conta do confinamento de pessoas em suas casas. Os golpistas, segundo ele, se aproveitam do fato de que as pessoas estão em casa e ligam ou passam mensagens pelo wattsapp. Idosos são os que mais caem nisso.

“Muito cuidado com os cartões, com as fraudes. Cartões furtados podem ser usados de forma ilícita. Temos observado alguns criminosos agindo na região, principalmente atrás de pessoas mais idosas, que são mais fáceis de serem induzidas a erro”, confirmou.

“Houve aumento de registros criminais na região de Casa Branca, que abrange São José do Rio Pardo, envolvendo golpistas que dizem ser de grandes lojas do comércio virtual ou mesmo se passando por funcionários de banco. Eles falam que as pessoas teriam comprado determinado produto e de valor alto, deixando o idoso preocupado. Aí o golpista se oferece para bloquear o cartão da vítima e envia um motoboy ou alguém para recolher esse cartão, às vezes até com a senha. De posse desse cartão, o golpista faz uso dele, geralmente comprando coisas”, explicou.

“Se você sabe que não é seu gerente ou pessoa de confiança sua, não entregue seu cartão. O banco não faz esse tipo de serviço, o que ele faz geralmente é bloquear o cartão. Mas se acontecer (de entregar o cartão a alguém), a primeira providência é entrar em contato com seu banco e pedir o cancelamento do seu cartão para que o banco rastreie a numeração dele e faça o bloqueio, impedindo que você tenha que arcar com compras indevidas”.

B.O. online

O delegado diz também que hoje é possível fazer um Boletim de Ocorrência online, procedimento que as delegacias, quando recebem as informações, ligam em retorno para confirmar os dados fornecidos. Essa modalidade de serviço vem aumentando e facilitando o registro de denúncias dos cidadãos, não requerendo a presença física deles nas delegacias.

“Mas tome muito cuidado com o que você recebe em links no seu celular, no seu computador, em sua caixa de e-mail. Então, links você só deve clicar se sabe com certeza que são seguros. Hoje é possível até infectar o celular com vírus”, prosseguiu.

Ele reiterou e confirmou que fraudes estão ocorrendo em quantidade significativa durante a Covid-19, principalmente porque os golpistas sabem que as pessoas estão em casa e ligam ou passam mensagens para aplicar golpes de sequestro de algum parente, compras com cartões etc. “Na dúvida, ligue para a polícia civil ou polícia militar, para receber alguma orientação em um momento de desespero ou de ameaça”, concluiu.

Confira também

Munícipes reclamam e Folharini fala em reativar semáforo na Av. Belmonte

“Entramos em contato com a empresa Sema Seg e pedimos uma visita técnica”, afirma o …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *