sexta-feira , 23 outubro 2020
Início / Cidade / Turismo rural deverá ser melhor explorado
Paulo Vedovato e Luciana Germek na Difusora: turismo rural foi assunto mais enfatizado por ambos

Turismo rural deverá ser melhor explorado

Paulo Vedovato e Luciana Germek acham que o segmento tem potencial imenso no município

O secretário municipal de turismo Paulo César Vedovato e a presidente do Comtur (Conselho Municipal de Turismo), Luciana Germek, foram entrevistados no Jornal do Meio Dia da rádio Difusora FM no dia 16. Os pontos principais mencionados pelos dois estão nesta matéria do jornal, com destaque para o turismo rural.

Pandemia afetou tudo

O zoológico da Ilha São Pedro, local turístico mais visitado em São José do Rio Pardo, está fechado ao público desde março, para reforma da ponte pênsil (iniciada bem antes) e, agora, para a reforma no interior da própria ilha. Ainda assim, o estacionamento anterior à ponte continua sendo visitado por viajantes e pessoas que visitam a cidade. A pandemia, porém, afetou o turismo totalmente, não só no município, como no mundo todo.

“Nossos templos que recebem o turismo religioso, nossos locais de cultura como o Museu, Biblioteca, Casa Euclidiana, o Centro Cultural Ítalo Brasileiro, tudo está fechado, infelizmente. Até o Cristo está fechado para aglomeração de pessoas”, lamentou Paulo.

“Afetou geral. Hotelaria, restaurantes nem precisa falar, tudo fechado. A gente tem aqui o turismo de negócios, o pessoal que vem a trabalho e acaba consumindo nos locais, visitando as igrejas, comprando. Mas com tudo fechado, diminuiu abruptamente e fortemente todo o nosso setor. Devagar, porém, vamos voltando ao novo normal”, completou Luciana.

Ela lembrou que os comentários no país são no sentido de que o turismo só comece a melhorar a partir de 2021, consolidando a partir de 2022. “Falam é que haverá turismo interno, nas pequenas cidades, então a gente precisará aproveitar essa demanda. Viajar de avião para o exterior é algo que agora não está na cabeça de todas as pessoas do mundo”, lembrou ela.

Orla do rio Pardo

“A obra que está sendo realizada na orla do rio Pardo faz parte do MIT. Em 2018 foi assinado convênio da Prefeitura com o governo do Estado no valor de 594 mil reais para infraestrutura turística, após um trabalho feito desde 2015 pelo então secretário Henrique Torres, de turismo, com apoio dos deputados Silvio Torres e Barros Munhoz, que encaminharam isso à Assembleia Legislativa. O município, com isso, passou a ser Município de Interesse Turístico – MIT. Aquele convênio, porém, foi cancelado e novamente assinado em 2019 e aí sim, liberado o recurso”, recordou Paulo.

Com parte daquele dinheiro foi feita a reforma da Fonte Luminosa. Outra parte do recurso está sendo aplicada na Orla do rio Pardo, que está na Área de Lazer. “Uma parte do muro foi derrubada e está sendo feito um gradil, permitindo agora que quem passe de carro visualize o rio Pardo e o parque que existe ali. É o espaço mais bonito que temos e que não estamos sabendo aproveitar. Haverá uma praça na área de terra e uma ciclofaixa, para caminharem e andarem de bicicleta ao lado do rio”, detalhou o secretário de turismo.

Ele disse ainda que, no Recanto Euclidiano, será feita uma obra nas pedras portuguesas, que estão um tanto desgastadas e deverão ser recuperadas.

Reforma na Ilha São Pedro

Já iniciada, a reforma na Ilha São Pedro é a primeira a ser realizada em décadas. Paulo mencionou os serviços: “Os ambientes dos animais já se deterioraram em função do tempo, por terem muita madeira. As telas das baias dos animais também, pela urina deles e pela umidade foram enferrujando e agora serão trocadas. O salão, no qual houve uma lanchonete no passado e depois uma sorveteria, estava com o telhado caindo e está sendo reformado. A intenção, junto com a Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente, é levar para lá alunos das escolas públicas e particulares, de São José e da região, para lhes transmitir ensinamentos sobre meio ambiente”.

O Comtur

“A gente (integrantes do Comtur) não pode mais se reunir, então conversamos pelo whatsapp e o Paulo nos mantém informados. Mas agora todas as verbas destinadas ao turismo estão cortadas por estar sendo priorizada a saúde. Assim, a gente não tem o que fazer a não ser apoiar o que está sendo feito na cidade”, disse Luciana.

Turismo rural

Em 2019 houve um curso de turismo rural patrocinado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), com vários donos de sítios e fazendas participando, além de Luciana, Paulo Vedovato e outros. “É um curso fantástico, sendo não apenas teórico, mas prático, com visitas às propriedades e que capacita de fato as pessoas. Já temos guias que vão às propriedades com café, com verificação do processo de torrefação, e há ainda o setor de produção de leite. Temos já o cicloturismo e estamos montando as rotas para ciclistas, mas há fazendas que agora estão fechadas. Vamos fazer, porém, um roteiro para o turismo rural”, assegurou ela.

Paulo deu outras informações: “Em 2018 fizemos um contato com a Marília, instrutora do Sebrae, que estava aqui ministrando um curso para os feirantes que montam feira às quintas-feiras na Praça do Mercado. Em 2019 houve parceria entre o Sindicato Rural e o Senar e aconteceu o Curso de Turismo Rural. Foi excelente, descobrimos em São José maravilhas desconhecidas, mas estão dentro de propriedades particulares. Então incentivamos os donos a fazerem o Curso de Turismo Rural para verem o potencial que possuem na propriedade e os custos disso. É um curso longo, de 10 meses em 10 módulos, com três aulas mensais que duram o dia todo, onde a pessoa aprende a calcular tudo o que precisa, desde uma pousada até uma trilha para visitação”.

Paulo e Luciana disseram apoiar o projeto Rio Pardo 2050 porque, entre outras coisas, ele levantará o potencial turístico do município.

Confira também

Confira o que os candidatos a prefeito já disseram nos programas de rádio

Jornal traz a síntese das propostas e promessas já feitas pelos quatro candidatos rio-pardenses Os …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *