domingo , 22 setembro 2019
Início / Cidade / FLIRP, novidade da 80ª Semana Euclidiana

FLIRP, novidade da 80ª Semana Euclidiana

FLIRP, novidade da 80ª Semana Euclidiana

S.E. começa com o J.O.S.E. segunda-feira, exposição na quarta, desfile depois, etc

 

A 80ª Semana Euclidiana de São José do Rio Pardo já começa efetivamente segunda-feira, 6 de agosto, com a Cerimônia de Abertura dos Jogos da Semana Euclidiana – J.O.S.E, no ginásio municipal de esportes Tartarugão, às 8 horas. Meia hora depois terão início as competições esportivas. A grande novidade deste ano, porém, ficará por conta da I FLIRP – Feira Literária Rio-pardcnse, que terá grandes autores presentes em São José.

Iury Feres Abrão, presidente do DEC, diz que a intenção com o lançamento da FLIRP é ousada: torna-la tão conhecida no cenário nacional como a Feira Literária de Parati. “É um pontapé inicial pensando no futuro e para isso fizemos uma parceria com a Academia Paulista de Letras, onde o Gabriel Chalita é presidente”, explicou.

Na quarta-feira, dia 8, acontecerá a abertura da exposição “80 anos de Semana Euclidiana: história, memória e resistência”, sendo este também o tema deste ano do mais tradicional evento de São José do Rio Pardo. A abertura da exposição acontecerá no Museu Arsênio Frigo às 19h30, ficando nos dias seguintes abertos à visitação pública.

O tradicional desfile de abertura, às 9 horas do dia 9 de agosto, tem este ano o tema central “Euclides da Cunha e suas vozes contemporâneas”, na rua Francisquinho Dias. No mesmo dia, às 14h30, acontece a abertura oficial dos Ciclos de Estudos na Fábrica de Expressão e, às 19h30, no Recanto Euclidiano, a abertura performática com a temática “Semana Euclidiana: sete dias em uma noite”.

No dia 10 de agosto começam efetivamente os Ciclos de Estudos Euclidianos na FEUC às 8h30. No período da tarde, às 15h30, inicia-se a FLIRP – I Feira Literária Rio-pardense com a exposição Vida de Criança na Praça XV; meia hora depois ocorre a apresentação do Coral Jet Musical e, 15 minutos após, a abertura com o patrono Gabriel Chalita, presidente da Academia Paulista de Letras. Ele fará palestra com o tema “O poder inspirador da literatura e os sonhos os grandes escritores. Euclides, um forte”, às 16h30.

Também no dia 10 de agosto será a vez da Fábrica de Expressão receber o teatro Suassuna – o poeta da cultura popular, às 20 horas. Meia hora antes, na Praça XV, o Coral da Escola Doremização se apresentar, sendo seguida da Banda Sinfônica do Polo do Conservatório de Tatuí.

No dia 11, às 20 horas, no Centro Cultural Ítalo Brasileiro, palestra com Ignácio de Loyola Brandão sobre o tema “Inspiração? A gente que constrói”.

No dia 12, às 10 horas, também no CCIB, palestra com José Renato Nalini sobre a Ética Euclidiana. No dia 14, às 14h30, na Praça XV,  palestra com Maurício de Souza “A importância dos quadrinhos no estímulo à leitura” e, no mesmo dia, às 19 horas, no CCIB, a Conferência Oficial com o professor Rinaldo de Fernandes abordando o tema “Vargas Llosa e Euclides: confluências”,

No dia 15 de agosto, às 14h30, no Recanto Euclidiano, ocorrerá o encerramento da Semana Euclidiana com a professora Carmem Cecília Trovatto Maschietto,  com o tema “100 anos da Herma de Euclides”. Durante toda a S.E., shows e apresentações culturais na Praça XV, a partir das 19h30.

As demais atrações estão postadas no site da Casa Euclidiana, além terem sido publicadas nos jornais locais, incluindo Gazeta do Rio Pardo da semana passada.

 

Casa Euclidiana

Ana Paula Lacerda, diretora de cultura e da Casa Euclidiana, explicou  ao professor Marcos De Martini no Canal FEUC que a temática deste ano no desfile de abertura – Euclides da Cunha e suas vozes contemporâneas – foi escolhida para mostrar que muitos escritores atuais se inspiraram em Euclides. “Queremos mostrar que a ideia, a ideologia de Euclides, ainda vive, sendo este o objetivo do desfile”, confirmou.

Autores como Machado de Assis, Gilberto Freire, Ignácio de Loyola Brandão, José Veríssimo, José Renato Nalini, Maurício de Souza, entre outros, serão lembrados no desfile porque, segundo Ana Paula, escreveram com base no pensamento euclidiano.

Ana também explicou que a I FLIRP é a concretização de um sonho literário cultivado há anos por euclidianos rio-pardenses, cujo propósito é divulgar nacionalmente a Semana Euclidiana. José Renato Nalini, por exemplo, falará da ética euclidiana, enquanto Maurício de Souza abordará a importância da literatura infantil. Ignácio de Loyola Brandão falará sobre inspiração.

A diretora da Casa Euclidiana lembra que o local está passando por uma reforma, mas, mesmo assim, tem sido diariamente visitado nestes dias. Lá há vários objetos pessoais do próprio Euclides da Cunha, incluindo a escrivaninha na qual escreveu Os Sertões, entre outras coisas conservadas há tanto tempo por seu valor histórico.

Marcos De Martini e Ana Paula Lacerda: S.E. deste ano é histórica e cheia de atrações inéditas

 

Maurício de Sousa virá no dia 14, para falar da importância dos quadrinhos no estímulo à leitura

 

O escritor e jornalista Ignácio de Loyola vem a São José para palestra no Centro Cultural

 

GabrielChalita

 

 

O desembargador e ex-secretário de educação José Renato Nalini falará sobre a ética euclidiana

 

Confira também

Seis alunos rio-pardenses estão entre os semifinalistas da EPTV

Projeto EPTV na Escola tem como tema para as redações deste ano, as fake news …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *