domingo , 18 agosto 2019
Início / Cidade / Espaço ‘Eco Educar’ é inaugurado e já inicia as atividades culturais
Público presente na inauguração do projeto no Mercado Cultural

Espaço ‘Eco Educar’ é inaugurado e já inicia as atividades culturais

A Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente inaugurou oficialmente o espaço Eco Educar. O lançamento foi quinta-feira, dia 8 de agosto, às 19h30, no Mercado Cultural, local que será utilizado para todos os eventos do programa.

A interlocutora do Município VerdeAzul, Renata Vechini, falou sobre o objetivo da ação.

“Teremos palestras, encontros, seminários, debates e oficinas. Servirá de ponto de encontro para turistas que desejarem conhecer sobre o meio ambiente na nossa cidade. Teremos apresentações dos trabalhos científicos, das escolas municipais, estaduais e particulares. É um espaço democrático onde trabalharemos a conscientização, a formação, e o ser humano como um todo. Essa é mais uma ação que vai integrar as diretivas do Município VerdeAzul, um espaço democrático para que as pessoas tenham condições de participar, porque ele está localizado na área central do município, é de fácil acesso, onde desde a criança recém- nascida até o idoso podem aprender. É um espaço de alegria e de boas energias, que trabalha a qualidade de vida”, explica.

O prefeito Ernani Vasconcelos também esteve presente na inauguração.

“Esse espaço é de suma importância para conscientizarmos o pessoal mais novo a respeito do nosso ecossistema. Se começarmos a deteriorar uma coisa, vai faltar outra. A amostragem do que pode acontecer e do que podemos fazer para contribuir com o meio ambiente é essencial, para que no futuro não falte nada para nosso desenvolvimento”, comenta.

A professora Maria José de Andrade Junqueira, que proferiu a conferência oficial de lançamento do Eco Educar, conversou com o repórter Paulo Sérgio Rodrigues.

“Fiquei muito honrada com o convite e senti que era a oportunidade de prestar uma homenagem à nossa agricultura, área que a minha família sempre batalhou, então vem do coração. Fiquei muito feliz também por estar dentro desse recinto que meu avô construiu (Mercado Cultural). Esse aproveitamento do local é muito importante para a cidade. Um lugar alegre, que pode ser usado como uma tribuna democrática”, agradece.

“Estamos colocando essa atividade para ser bem utilizada com relação aos estudos sobre o meio ambiente. Temos um rio que atravessa a cidade. São poucos os municípios que têm esse privilégio. Precisamos preservar isso, passar para nossos filhos, netos, o quão importante é o meio ambiente. Estamos fazendo o possível para dar prioridade ao meio ambiente e aos pequenos agricultores”, diz o secretário de gestão, Hélio Escudeiro.

“Em 2019 entramos com tudo na educação ambiental, no elo entre a Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente e Secretaria de Educação. As próprias professoras da rede municipal estão ajudando as crianças a reciclar, fazer jogos, para que possamos transformar as crianças em cidadãos conscientes. Se não cuidarmos, não é o planeta que vai acabar, nós é que não conseguiremos viver nas condições dele. Trabalhamos a consciência desde os pequenininhos, de 3, 4 aninhos, até os adolescentes de 15 anos”, destaca a secretária de educação, Kátia Gomes Alencar.

Início

As ações começam neste sábado, 10 de agosto, às 10h00, no Mercado Cultural. “Teremos a apresentação da contadora de histórias, a professora Sônia, e depois às 10h45 teremos uma roda de conversas sobre alimentação saudável, com todos os produtores, feirantes, agricultores, com a população em geral”, encerra Renata.

Entrevista: Paulo Rodrigues

Texto: Júlia Sartori

Confira também

Policiais visitam escola rural que ainda não tem o Proerd

Sargento Renato e cabo Marta conversaram com as crianças da fazenda Santa Amélia sobre drogas …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *