Início / Brasil & Mundo / Por causa do risco de chuva, as buscas neste domingo (3) foram encerradas em Brumadinho.

Por causa do risco de chuva, as buscas neste domingo (3) foram encerradas em Brumadinho.

Por causa do risco de chuva, as buscas neste domingo (3) foram encerradas em Brumadinho.

Três dos corpos localizados até o momento foram encontrados por equipes do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). Os funcionários do órgão estavam produzindo um laudo técnico sobre o impacto dos rejeitos de minério na fauna e na flora do rio Paraopeba. Assim que viram os corpos, acionaram o Corpo de Bombeiros.

Até este domingo (3), 121 mortes haviam sido confirmadas, destas, 107 corpos identificados; 226 pessoas ainda estavam desaparecidas; e 395 localizadas.

São José do Rio Pardo virou notícia no país todo, e até fora dele, por causa da tragédia de Brumadinho que envolveu, entre as centenas de vítimas fatais, o corretor Adriano Ribeiro da Silva e família. A cidade vive, nos últimos dias, um misto de perplexidade e solidariedade com os parentes e amigos dos rio-pardenses que pereceram.

Como já é do conhecimento da maioria, os corpos do arquiteto Luiz Taliberti Ribeiro da Silva, de 31 anos;do corretor Adriano Ribeiro da Silva, de 61; e da filha deste, Camila Taliberti da Silva, de 33, foram identificados no IML de Belo Horizonte.

Helena Taliberti, mãe de Luiz e Camila, e Fernanda, irmã de Adriano, estão na capital mineira e acompanham todos os procedimentos nesse sentido. O corpo de Luiz foi cremado quinta-feira, dia 31, em BH, e o mesmo, possivelmente, seria feito depois com os de Adriano e Camila.

Os corpos da noiva de Luiz, Fernanda Damian de Almeida, de 30 anos, que estava grávida de 5 meses, e da madrasta dele e de Camila, Maria de Lurdes da Costa Bueno (Malu), de 59 anos, ainda não haviam sido encontrados pelos bombeiros até o encerramento desta edição.

Segundo informações passadas ao jornal na quinta-feira, 31 de janeiro, por Beatriz Martineli Mathias Duarte, corretora de imóveis na Imobiliária ARS em São José do Rio Pardo, a viagem da família de Adriano a Brumadinho já estava agendada desde a chegada de Luiz Talibertiao Brasil, vindo da Austrália, onde morava e trabalhava. Segundo ela, ele quis aproveitar o feriado de 25 de janeiro em São Paulo para conhecer o Instituto Inhotim, em Brumadinho, e então foram todos para lá.

Rejeitos da mina da Vale coloriram de marrom as águas do Rio Paraopeba

Confira também

Alberto Marques, aos 83 anos, recebe homenagem na presença de centenas de pessoas e amigos na Fazenda Santa Amélia.

Alberto Marques, aos 83 anos, recebe homenagem na presença de centenas de pessoas e amigos ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *