Início / Cidade / Meta de vacinação é superada e chega a 96%

Meta de vacinação é superada e chega a 96%

Meta de vacinação é superada e chega a 96%

Campanha alcançou 2.346 crianças e agora a preocupação é com a dengue

 

Terminou na sexta-feira da semana passada, dia 14, a campanha de vacinação contra a poliomielite e o sarampo em todo o país. Em São José do Rio Pardo a meta estabelecida pelo Ministério da Saúde – 95% de cobertura – foi atingida e até um pouco superada: 96% do público-alvo foi vacinado.

A enfermeira Gisele Cristina Frausino disse que toda a equipe responsável pela vacinação no município ficou satisfeita por ter conseguido este resultado. De um total de 2.424 crianças cadastradas no sistema como público-alvo, a campanha alcançou 2.346 meninos e meninas, dando aquele percentual citado antes.

“A gente agora mantém a nossa rotina de sala de vacinação. De segunda a sexta-feira, no Centro de Saúde, o horário é das 7 horas às 15h45. No Vale do Redentor é das 9 horas às 14 horas e no Carlos Cassucci, das 10 horas às 15 horas. Mantemos todo o calendário de todas as vacinas, de acordo com a faixa etária da criança”, afirmou.

Ela repetiu o que já dissera em outras ocasiões: o bem maior que os pais podem dar aos filhos é mantê-los atualizados em termos de vacinação, até porque o SUS tem um calendário que contempla todas as vacinas. Isso requer, no entanto, a atenção dos pais quanto à faixa etária das crianças e de acordo com os retornos já pré-agendados na carteira de vacinação.

Crianças de 1 a 4 anos incompletos, que ainda não receberam as doses contra o sarampo e contra a pólio, devem ser levadas pelos pais a uma das salas de vacina citadas anteriormente. Levar a carteira de vacinação é necessário para que as funcionárias da saúde que as atenderem adotem os procedimentos necessários.

Dengue

Do início deste ano até agora, 10 casos positivos de dengue foram confirmados em São José do Rio Pardo. Esse número parece pequeno, mas Gisele lembra que eles foram constatados fora do período sazonal, o que já despertou um alerta nos agentes de saúde do município. “A gente já está trabalhando em estratégias de enfrentamento porque imaginamos que este ano teremos um cenário um pouco maior de casos de dengue (em relação a 2017)”.

Capacitações estão programadas para este fim com todos os funcionários da Saúde, envolvendo médicos, enfermeiros, agentes comunitários de saúde e os de zoonoses e ainda os técnicos de enfermagem. A intenção é traçar uma estratégia preventiva de combate ao vírus da dengue, que pode começar a circular um pouco mais cedo este ano. “Eliminar criadouros é o principal e todo mundo deve verificar seu quintal todos os dias. Com essas chuvas, é importante esse trabalho para eliminar criadouros e não permitir que o vírus se manifeste. Isso deve ser feito na cidade toda”.

A enfermeira Gisele Frausino: eliminar criadouros é a principal estratégia contra a dengue

 

 

ESFs Buenos Aires e Natal Merli  são reformados para início de uso

A Prefeitura de São José está concluindo as obras de adequação e melhorias no prédio que vai abrigar o ESF-VI, unidade que deverá atender 3,5 mil pessoas, residentes nos bairros Maria Boaro e Buenos Aires.

O prédio estava com obras parcialmente concluídas desde 2016 e temporariamente foi utilizado pelo serviço de ultrassom, mas havia necessidade de adequação para acesso de pessoas com problemas de mobilidade, eliminação de infiltrações, normas de segurança, entre outros serviços.

A adequação do prédio foi providenciada pela Secretaria Municipal de Saúde, que também já montou a equipe de atendimento. A previsão é de que os trabalhos da unidade comecem em outubro.

Também foram iniciadas as obras de reforma e adequação do ESF Natal Merli. O prédio também receberá serviços de adequação às normas de segurança e acessibilidade, além de instalações para os equipamentos.

(Assessoria de imprensa)

ESF Natal Merli e ESF Buenos Aires: reformas preparam os prédios para serviços

 

Confira também

3º Concurso de Cafés de Águas da Prata – Prêmio Prefeito José Vilela Junqueira, aconteceu no dia 30 de setembro, no UniFEOB.

3º Concurso de Cafés de Águas da Prata – Prêmio Prefeito José Vilela Junqueira, aconteceu ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *