sábado , 15 agosto 2020
Início / Regionais / Juiz Juscelino Batista é nomeado desembargador
Juscelino Batista é o da direita da foto, que mostra ainda Ana Lucia, Gilson Delgado e o presidente do TJSP Geraldo Franco

Juiz Juscelino Batista é nomeado desembargador

Natural de Muzambinho, ele morou e estudou vários anos em São José do Rio Pardo

O Tribunal de Justiça de São Paulo empossou quinta-feira, 30 de janeiro, três novos desembargadores: Ana Lucia Romanhole Martucci, Gilson Delgado Miranda e Juscelino Batista (que morou e estudou em São José do Rio Pardo vários anos). A posse administrativa ocorreu no Gabinete da Presidência com a presença do presidente do TJSP, desembargador Geraldo Francisco Pinheiro Franco; do vice-presidente, desembargador Luis Soares de Mello; do corregedor-geral da Justiça, desembargador Ricardo Mair Anafe; do presidente da Seção de Direito Público, Paulo Magalhães da Costa Coelho; e do presidente da Seção de Direito Criminal, Guilherme Gonçalves Strenger.

 “Nós, magistrados, vencemos muitas etapas até estar aqui. Nossos queridos colegas chegam ao Tribunal de Justiça mercê do trabalho de anos. Assumem a cadeira magistrados de altíssimo gabarito. São colegas que trazem boas emoções para que nós todos possamos enfrentar o dia a dia. Saúdo os três e digo que o TJSP os recebe de braços abertos”, afirmou o presidente do TJSP, que conduziu a cerimônia de posse administrativa.

Juscelino Batista disse que a ocasião é de comemoração e vitória dedicada à família. “Estou no serviço público há 50 anos. Comecei como servidor e de lá brotou meu desejo de entrar na Magistratura, o que aconteceu há 33 anos. Não teria chegado até aqui sem minha família e sem o apoio dos servidores. Então, deixo meu agradecimento a eles”, sublinhou.

Estavam presentes na posse administrativa muitos desembargadores, juízes, amigos e os parentes dos empossados. No caso de Juscelino, estiveram presentes a esposa dele, Aparecida Isabel Della Torre Batista, os filhos Glauco Felipe e Sabrina, e o genro Lucas.

Trajetória

Juscelino Batista nasceu na cidade de Muzambinho (MG) em 1955, mas morou em São José do Rio Pardo vários anos e estudou nas escolas Tarquínio Cobra e Euclides da Cunha. Graduou-se em Direito pela Faculdade de Direito da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo em 1980. Atuou desde cedo no Tribunal, entre 1969 e 1978, ocupando progressivamente as posições de auxiliar de administração, estagiário, escrevente e oficial de Justiça. Por mais de sete anos integrou a Justiça Federal, como oficial de Justiça avaliador e diretor de Secretaria da 11ª Vara Federal. Ingressou na Magistratura em 1986 e foi nomeado para a 1ª Circunscrição Judiciária, com sede em Santos. Nos anos seguintes judiciou nas comarcas de Paulo de Faria, Taboão da Serra e Limeira. Em 2005 foi promovido para a Vara da Infância e Juventude do Foro Regional XI – Pinheiros. Promovido por merecimento à vaga decorrente da aposentadoria do desembargador Carlos Alberto Mousinho dos Santos Monteiro Violante.

Fonte: Comunicação Social TJSP.

Confira também

João Doria testa positivo para a Covid-19

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou nesta quarta-feira (12) que testou positivo para a …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *