Início / Cidade / Ponte Nova completa 50 anos este mês

Ponte Nova completa 50 anos este mês

Ponte Nova completa 50 anos este mês

 “Grande massa popular participou das festividades da inauguração” (Gazeta, 26 de janeiro de 1969)

 

A ponte ou viaduto Adhemar de Barros, também chamada Ponte Nova em São José do Rio Pardo, completou neste mês de janeiro 50 anos. Ela foi inaugurada no final de janeiro de 1969 pelo então prefeito Lupercio Torres, pelo secretário de estado Helly Lopes Meirelles (Negócios da Segurança Pública), pelo engenheiro Eduardo Riomey Yassuda (secretário estadual de Serviços e Obras Públicas), além do engenheiro Godofredo Augusto. Na mesma ocasião aconteceu a inauguração da cadeia pública e da Delegacia de Polícia de São José, com comparecimento de autoridades.

O descerramento da fita inaugural foi feito pelas senhoras Maria França Torres, dona Elvira Pereira e Irene Monteiro da Silva, abrindo o trânsito pela ponte. Segundo a edição da Gazeta do Rio Pardo do dia 26 de janeiro de 1969, “grande massa popular participou das festividades da inauguração da Ponte, demonstrando o grande interesse que todos têm pelo progresso desta cidade”.

Diz ainda o jornal que “no momento da inauguração caiu forte chuva que tomou a todos de surpresa, fato este que lembra a chuva que caia quando o PM, o Engenheiro Moacir de Freitas, do Setor de Pontes da Secretaria de Serviços e Obras Públicas e o dr. Walter de Sá Pinto, engenheiro da PM, procediam aos primeiros estudos para a instalação da ponte”. Estes, segundo a informação, foram feitos porque os moradores e autoridades já tinham uma preocupação com o trânsito pesado sobre a ponte metálica Euclides da Cunha, até então a única via de acesso à região situada no bairro Santo Antônio.

Anos atrás, em uma das gestões de João Santurbano, a ponte passou por uma perícia técnica feita por engenheiros, que constataram estar ela em bom estado de conservação, apesar do tempo decorrido. Antes disso, por iniciativa do cidadão e sitiante João Batista de Souza, o Jonjoca, que estava preocupado com suicídios de pessoas que se jogavam da ponte ao rio Pardo, foram construídas nas duas laterais do viaduto os alambrados hoje existentes, para impedir que tais fatos continuassem ocorrendo.

FOTO Ponte

A ponte Adhemar de Barros é a única via de acesso à cidade e ao bairro Santo Antônio para veículos pesados

 

Construção da terceira  ponte ainda é incerta

No dia 30 de junho de 2014, quando da inauguração das obras de melhorias na ponte Euclides da Cunha pelo então governador Geraldo Alckmin, foi autorizada por ele a elaboração do projeto técnico, com recursos de R$ 250 mil, para a construção de uma terceira ponte sobre o rio Pardo.

Foi nesse mesmo dia que Alckmin, atendendo pedidos do deputado Silvio Torres e do prefeito João Santurbano, prometeu liberar R$ 2 milhões para a pavimentação do restante da avenida Perimetral, que ainda era de terra. O recurso foi efetivamente liberado e a pavimentação foi realizada, posteriormente.

A terceira ponte sobre o rio Pardo, no entanto, permanece incerta com a mudança de governo. O assunto, porém, deverá ser novamente levado ao governo estadual pelo prefeito Ernani Vasconcellos nas próximas semanas.

 

 

 

Confira também

Instrutor de autoescola com placa falsa e CNH vencida foge de abordagem e é detido

Um instrutor de autoescola de 38 anos foi detido após fugir de uma abordagem e ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *