quarta-feira , 11 dezembro 2019
Início / Cidade / Começa a reforma no prédio do Museu

Começa a reforma no prédio do Museu

Começa a reforma no prédio do Museu

Previsão é de quatro a seis meses de obra no prédio, que tem goteiras e outros problemas

 

 

Começou esta semana a reforma no prédio do Museu Rio-pardense, cujo acervo foi retirado para a obra, que deve durar de quatro a seis meses. Os recursos para a reforma, considerada necessária porque o prédio tem vários problemas estruturais, vieram do governo.

Cristina Andrade, curadora do Museu, confirmou ao jornal o início das obras e explicou que o serviço de transferência do acervo aconteceu antes, para deixar o interior do prédio vazio. Por conta das obras, a equipe que trabalha lá aproveitará para fazer a digitalização das peças.

Segundo ela, a reforma abrangerá a troca de todo o sistema de energia elétrica, que é antigo e precário. Também o teto passará por mudanças porque uma parte dele está caindo, havendo até uma sala interditada por conta disso, já que há muita goteira. Esta sala, de acordo com Cristina, faz muita falta e, quando a reforma terminar, terá uma função histórica no Museu, cujos detalhes serão divulgados posteriormente.

“Mas o teto e tudo o mais manterão a originalidade porque o Museu é tombado, não pode sair nada fora”, observou a curadora. “Tudo no Museu irá melhorar bastante e tem a parte do arquis, que a gente está tentando tirar os discos e fazer ali um cineminha para as pessoas e as crianças ficarem mais à vontade”.

De 4 a 6 meses

A reforma só está sendo iniciada porque uma verba governamental foi liberada para essa finalidade, com previsão de que dure de quatro a seis meses. Cristina comenta que, neste período, obviamente,  o Museu ficará fechado à visitação pública, mas os turistas e pessoas interessadas em obras antigas poderão se dirigir à Casa Euclidiana, que continua com suas exposições normais.

Concluindo as informações passadas ao jornal, Cristina lembra que o Museu significa a memória de São José do Rio Pardo, desde a época dos primeiros fazendeiros que iniciaram o município até os períodos subsequentes, com objetos importantes que retratam tais momentos.

FOTOS

O Museu Rio-pardense é prédio tombado e a reforma manterá a originalidade

 

Todos os equipamentos do Museu foram embalados e retirados para a reforma

Confira também

D.E.R. não fará rotatória entre a av. Belmonte e a Perimetral

Informações que chegaram ao jornal esta semana a respeito da possível construção do trevo na …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *