segunda-feira , 21 junho 2021
Início / Brasil & Mundo / Papa nomeia o cardeal dom Orani como membro da Comissão para América Latina
Papa Franciso nomeou Dom Orani como novo membro da Comissão para a América Latina ( Imagem da internet, feita antes da pandemia)

Papa nomeia o cardeal dom Orani como membro da Comissão para América Latina

Na quarta-feira (10), o Cardeal Orani João Tempesta, arcebispo do Rio de Janeiro, foi nomeado pelo papa Franciscocomo membro da Pontifícia Comissão para a América Latina, atualmente presidida pelo arcebispo emérito de Québec, no Canadá, cardeal Marc Ouellet, que também é o prefeito da Pontifícia Congregação para os Bispos.

Os ofícios de dom Orani

Após ser criado cardeal pelo papa Francisco, no consistório de 22 de fevereiro de 2014, dom Orani foi nomeado membro da Congregação para a Educação Católica no dia 22 de maio de 2014; e da Congregação para a Evangelização dos Povos, no dia 13 de novembro de 2014, ofícios que desempenha até hoje. Também já foi membro do Pontifício Conselho para os Leigos.

Pontifícia Comissão

A Pontifícia Comissão para a América Latina, que na sua presidência já teve um cardeal brasileiro, o arcebispo emérito de Salvador, na Bahia, dom Lucas Moreira Neves, foi criada pelo papa Pio XII, no dia 21 de abril de 1958.

A atual organização da Pontifícia Comissão foi definida em 1988 pelo papa São João Paulo II, por meio da Constituição Apostólica Pastor Bonus, que nos artigos 83 e 84, diz que ela tem por dever “assistir, com o conselho e os meios econômicos, as Igrejas particulares da América Latina, e dedicar-se, além disso, ao estudo das questões que se referem à vida e desenvolvimento dessas Igrejas, especialmente para dar ajuda tanto aos dícastérios da Cúria interessados em razão da sua competência, quanto às Igrejas mesmas na solução de tais questões”. A comissão também é responsável pela interação entre a Sé Apostólica e os diversos organismos internacionais ou nacionais para a América Latina.

Fonte: Dom Total

Confira também

Com falta de vacinas, estudo clínico avalia eficácia de meia dose da AstraZeneca

Pessoas com neuropatias crônicas foram inseridas no grupo prioritário de vacinação O Brasil atingiu 500 mil …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *