sábado , 13 abril 2024
Início / Brasil & Mundo / Confeiteiro rio-pardense está em reality na Inglaterra
Na competição, Raf divide a bancada com seu amigo e colega de trabalho, Andrew Harwood ( Raf está a direita)

Confeiteiro rio-pardense está em reality na Inglaterra

Rafael Perussi disputa o Bake Off, programa em que mostra suas habilidades na confeitaria

Que São José do Rio Pardo tem muitos talentos nas grandes cozinhas, isso não resta dúvida. O sucesso dos culinaristas locais está no dia a dia dos restaurantes, nas guloseimas das quermesses, no pastel da feira, na coxinha, nas massas, comidas árabes, bolos, na sopa de cebola… na infinidade de quitutes e quitandas que formam um vasto cardápio da cidade. Além de conquistar os rio-pardenses, esse verdadeiro banquete atrai visitantes.

Quando o assunto são as panelas, não há objeção de que um dos nomes de referência é Jefferson Rueda – o mago da Casa do Porco, simplesmente um dos melhores do mundo. A lista tem ainda Eliseu Moraes – chef em cruzeiros internacionais no centro-norte da Europa; Flávio Minussi – entende de massas, das receitas trazidas da Alemanha e Itália. Além deles, Cecília Helena Dias Yasbeck, Meire Gervásio entre outras mãos talentosas integram a grande lista de pessoas que levam adiante a culinária da cidade.

Na área da doceira, dos bolos e afins, Helena Aparecida Ferreira Alves Peixoto (Leninha Bolos), Paulinho Girotti, Maria Adelina Baldassim Rodrigues (Maria Adelina), Guilherme Agostinelli são também referências singulares e fazem parte do time. E como sempre cabe mais um, eis Rafael Perussi.

Da Vila Brasil para a Inglaterra

Rafael Marin Perussi, residiu na Vila Brasil até seus 18 anos de idade, quando viajou como intercambista para a Inglaterra. Depois, ficou um tempo na Austrália, retornou a São José, mas partiu novamente. Hoje, com 37 anos, esse rio-pardense, lá chamado Raf Perussi, está galgando o paladar e a audiência dos ingleses, como parte do casting no programa Bake Off: The Professionals, atração do Canal 4, no país do Rei Charles III.

O reality sobre confeitaria começou no dia 4 de julho e já vai para a terceira semana. Duas delas, conquistadas por Raf Perussi e seu parceiro, Andrew Harwood.

“Andrew e Raf roubaram o show na primeira semana. Impressionaram os juízes com suas criações de confeitaria. Os jurados também gostaram de como ambos se sentiam confortáveis na cozinha e eles faturaram também a segunda semana”, publicou o portal britânico, Wigan Today.

Gazeta do Rio Pardo conversou com Raf Perussi, pelo Instagram, nesta semana, quando ele contou sobre a participação no reality da TV britânica.

“A produção do programa está sempre à procura de pastry chefs (confeiteiros). E meu grande amigo, Andrew, que nos encontramos esquiando na França, me convidou pra fazer parte e eu topei. Minha entrevista inicial foi aí em São José mesmo, quando estava de férias”, explica Rafael, que também é esportista, praticante de natação e esqui em águas abertas. “Sempre nadei pelo Rio Pardo”, lembra, em meio à conversa.

Segundo ele, essa temporada do Bake Off: The Professionals foi gravada em março, em uma das muitas mansões típicas da Inglaterra.

“Porém não posso dar mais nenhuma informação. São no total 8 episódios e começará na Netflix USA, no dia 27 de julho”, comenta, destacando que, por questões contratuais, precisa manter as informações sobre a dinâmica dos programas em caráter confidencial. Isto é, sem spoilers.

O rio-pardense falou sobre a visibilidade que o programa proporciona ao seu trabalho e sua carreira, bem como das expectativas. “Até agora tive uma ótima repercussão porque estamos contra hotéis muito famosos e tradicionais aqui de Londres. O meu intuito é sempre mostrar nossas habilidades como profissional patissier, mesmo não tendo os mesmos recursos financeiros dos grandes hotéis londrinos e, claro, usar quando possível, produtos brasileiros, como por exemplo, o cupuaçu”, revela.

Perussi acrescenta que, a mãe, Madalena, sempre foi sua inspiração nas atividades da gastronomia. Ela faleceu há alguns anos, vítima de câncer. “Lembro-me sempre dos vários doces caseiros, feitos no tacho de cobre no sítio, onde residimos. Seu doce de leite era imbatível. Agora só resta a saudade, porém através do nosso paladar podemos sempre nos conectar a pessoas, lugares e momentos”, completa.

Chef confeiteiro

Na competição, Raf divide a bancada com seu amigo e colega de trabalho, Andrew Harwood. Eles se conhecem há cinco anos.

Andrew e sua esposa, Sarah Harwood, administram a Harwoods Patisserie, uma loja de confeitaria que abriram em meados de 2020, para vender macarons, chocolates e outros produtos para o setor atacadista. O negócio ficou em stand by por conta da pandemia, mas agora segue com força total.

Raf Perussi é dedicado. Ex-aluno da renomada escola Le Cordon Bleu – rede internacional de ensino sobre gestão de hotelaria e gastronomia francesa, ele trabalhou em Paris e também no icônico restaurante, The Wolseley, em Londres.

Como a vida ainda não é de superstar, Raf segue trabalhando no The Villa Wrea Green, como chef confeiteiro. O estabelecimento é um hotel rural em Lancashire, noroeste do país.

“Eu continuo caipira”, diz o rio-pardense, morador de Bolton, para explicar que a essência permanece, apesar do longo tempo residindo no país europeu. “Tenho que acordar cedo, amanhã, pra fazer café”, conclui.

Raf Perussi sugere que os interessados em acompanhar a participação dele no programa, podem acessar a Netflix dos Estados Unidos, a partir do dia 27.

Confira também

Município decreta situação de emergência para enfrentamento à dengue

Medida permite que agentes de saúde ingressem em imóveis desabitados ou onde houver recusa dos …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *