Início / Policiais / ‘Sem fronteiras’ teve até helicóptero da PM- Leiam esta e outras notas policiais.

‘Sem fronteiras’ teve até helicóptero da PM- Leiam esta e outras notas policiais.

‘Sem fronteiras’ teve até helicóptero da PM

Operação mobilizou ainda várias viaturas e policiais civis e militares

 

A grande operação policial realizada quinta-feira, dia 13, em São José do Rio Pardo e em vários outros municípios brasileiros teve na cidade a participação de policiais civis e militares, várias viaturas e até mesmo o helicóptero Águia da Polícia Militar paulista. O helicóptero dá apoio aéreo aos policiais em terra, permitindo visualizar a fuga de criminosos mais rapidamente. Pelo menos duas pessoas foram presas em São José.

O capitão Carlos Roberto Negrini, que comanda a polícia militar na região a partir de Mococa e já chefiou a PM de São José do Rio Pardo em anos recentes, confirmou à Gazeta do Rio Pardo que a operação Sem Fronteiras está sendo realizada em todo o estado de São Paulo e envolve as polícias civil e militar.

Essa operação, segundo ele, visa principalmente localizar pessoas procuradas pelo sistema Prodesp e pela Justiça estadual. Dois dos procurados foram presos em São José e recolhidos à prisão na quinta-feira.

“Durante a operação houve flagrante de furtos e flagrante de drogas, incluindo uma pessoa que tinha plantação de maconha na casa dela”, confirmou o capitão, que revelou que, no dia anterior, quarta-feira, esteve com o delegado seccional de Casa Branca, Benedito Noronha, para fazer o planejamento.

Negrini comanda a polícia militar nos municípios de Mococa, São José, Caconde e Tapiratiba, mas explicou que a operação de quinta-feira nesta região do Estado foi feita especificamente em São José do Rio Pardo.

As viaturas, depois da operação, ficaram em frente a delegacia de São José

 

 

Tinha vários pés de maconha no quintal

Na manhã de 13 de setembro, durante a operação “Fecha Quartel”, sob comando do capitão PM Carlos Roberto Negrini, policias militares receberam informação, passada pela Guarda Municipal, que em uma residência na Rua Silva Jardim havia um cultivo de maconha no quintal.

Ao chegar ao local observaram alguns vasos com pés de maconha, momento em que o acusado, GST, de 22 anos, apareceu na janela e, ao avistar os PMs, tentou evadir-se, porém foi contido e algemado.

Ele recebeu voz de prisão em flagrante por tráfico de drogas, sendo a ocorrência encaminhada à delegada Paula Casalli Dezzotti, ratificou a medida adotada pelos policiais militares, permanecendo o autor à disposição da justiça. Os pés de maconha que estavam plantados em vasos foram cortados e pesados, totalizando 440 gramas.

Os pés de maconha foram apresentados na delegacia de polícia

 

 

 

Presos vendendo drogas perto  da escola do Carlos Cassucci

Na manhã do dia 13 os policiais civis João Mancuso e Florence, durante operação policial de âmbito estadual, receberam denúncias de funcionários da Emeb Profª Stella Maris Barbosa Catalano, no Carlos Cassucci, de que indivíduos realizavam tráfico de drogas através do alambrado da escola.

No local os policiais constataram a presença de três indivíduos, sendo que um recebia o dinheiro, outro entregava a droga e outro vigiava. Ao verem a viatura, um deles conseguiu escapar antes de ser abordado.

Com PABC, porém, de 20 anos, foi encontrado uma porção de maconha e um celular utilizado para o tráfico. O outro abordado foi um adolescente de 17 anos, já conhecido nos meios policiais por envolvimento com o tráfico; com ele havia R$ 110. PABC recebeu voz de prisão em flagrante e o adolescente voz de apreensão sendo ambos conduzidos à Delegacia de Polícia onde ficaram à disposição da justiça.

 

 

Adultos e menores levavam  R$ 2.350, revolver e drogas

Policiais da Delegacia de Investigações Gerais de Casa Branca, em investigação de tráfico de drogas em São José do Rio Pardo no dia 13 de setembro, localizaram dois adultos, uma jovem de 16 anos e um adolescente de 14 realizando a venda de entorpecentes na Praça João Batista Ribeiro, Vale do Redentor.

Os policiais viram um dos autuados distribuindo drogas a usuários e, ao ser abordado, tinha consigo duas pedras de crack. Com ele e os demais, mais drogas, dinheiro e arma de fogo foram achados.

Entre os objetos apreendidos estavam: uma balança de precisão digital, um caderno com anotações sobre o tráfico de drogas, 42 saquinhos plásticos para embalagens de drogas, quatro aparelhos celulares, um revólver marca Taurus calibre 38 com dois cartuchos intactos, duas porções de crack, um cigarro de maconha, duas porções de maconha e R$ 2.356,00 em dinheiro.

Os autuados foram encaminhados à audiência de custódia, o os adolescentes a Vara da Infância e Juventude.

 

 

Quatro pessoas são presas  por furto de água na cidade

No dia 11 de setembro a Polícia Civil de São José prendeu quatro pessoas em flagrante, todas enquadradas no artigo 155, parágrafo 4, inciso II, por fraude contra a empresa Saerp. Todas elas estavam praticando furto de água (popularmente conhecido como “gato”). Foram presos três homens: DC, de 50 anos; AO, de 52; e CRA. de 40 anos e uma mulher, RCGS, de 30 anos.

Consta no boletim de ocorrência que nos endereços (Vale do Redentor II e zona rural) flagrados os indiciados realizaram ligação clandestina no hidrômetro com a intenção de não realizar o pagamento referente ao consumo de água, causando assim prejuízo à autarquia responsável pelo abastecimento no município.

Acompanharam as diligências, juntamente com os policiais civis, o encarregado da Saerp, Arnaldo Cequaline, e a perita criminal Márcia Lourenço, que constataram as fraudes. Os indiciados foram presos em flagrante delito e conduzidos à Delegacia de Polícia, onde foram elaborados boletins de ocorrência.

A Polícia Civil alerta para que as pessoas fiquem atentas porque as investigações prosseguem e outras prisões poderão acontecer.

 

 

Homem achado morto no  dia 8, em espaço de festas

Na tarde do último dia 8, sábado, por volta das 17 horas, a Polícia Militar foi acionada e compareceu ao Sítio Espaço Bela Vista, onde teria ocorrido óbito de um homem de 69 anos. No local, MSM, de 30 anos, disse que é funcionário de uma empresa de festas e que veio a São José do Rio Pardo trazer equipamentos para uma festa que aconteceria lá e que estava em companhia de um homem de 69 anos, contratado para auxiliar no trabalho.

MSM afirmou também que, após descarregarem as mercadorias, viu o homem pela última vez às 15h30, aproximadamente, e que por volta das 17 horas percebeu que ele estava caído perto do seu caminhão. Imediatamente MSM solicitou a ida do Samu, que no local constatou o óbito. A causa, porém, não foi divulgada.

 

Adolescente é preso com  drogas no Vale do Redentor

Na noite do último dia 8 de setembro, durante a operação “Força Total”, a equipe ROCAM – policiais Zocal e Prado – e os soldados Moraes e Roberto, que estavam em uma viatura, avistaram dois indivíduos conversando em frente a quadra de esportes do Projeto Tuca, no Vale do Redentor II. Quando os suspeitos perceberam a presença dos PMs, cada um deles saiu para um lado, em fuga.

Um deles, menor de idade, correu para o interior do Projeto Tuca saltando alguns muros pelos fundos e dispensando algo no chão. Ele foi perseguido e abordado próximo a escola Laudelina de Oliveira Pourrat.

Em busca pessoal foi localizado com ele R$ 275,25, que o mesmo não soube informar a procedência. Os policias refizeram o caminho feito pelo adolescente e encontraram um tubo plástico com 12 pedras de crack e uma embalagem de plástico transparente contendo 17 pinos de cocaína. Ele recebeu voz de apreensão e foi conduzido à Delegacia de Polícia, onde permaneceu à disposição da justiça.

Olheiro é preso

A Polícia Militar prendeu na manhã de 9 de setembro LFVS, de 22 anos, no Bairro Natal Merli. Com ele foram encontradas 45 gramas de crack, dois celulares e R$ 20. O indivíduo era também olheiro dos traficantes. Segundo o boletim, ele ficava em pontos estratégicos no Vale do Redentor passando informações sobre a presença de viaturas. Ele foi conduzido à Delegacia de Polícia ficando à disposição da justiça.

 

As drogas apreendidas com o menor e o dinheiro que estava com ele

 

 

Menor flagrado dirigindo carro

Na noite de domingo, dia 9, a Polícia Militar,, em patrulhamento pelo centro da cidade, na Rua Francisquinho Dias, abordou um Kadett ano 1993 de cor verde, com quatro ocupantes, todos menores de idade. O veículo foi abordado e o condutor, de 17 anos, disse ter pegado o carro do pai para dar umas voltas pelo centro. O rapaz foi conduzido à Delegacia de Polícia, onde foi liberado após a chegada da mãe. O carro foi recolhido ao pátio.

 

 

Confira também

Plantio de mudas neste sábado

Prefeitura Municipal São José do Rio Pardo   Plantio de mudas  neste sábado A Secretaria de ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *