Início / Cidade / Motoristas pedem tapa-buraco em dois locais

Motoristas pedem tapa-buraco em dois locais

Motoristas pedem tapa-buraco em dois locais

Há muitas outras ruas com problemas, mas nestas, das fotos, os buracos só aumentam

A Prefeitura Municipal continua efetuando serviços de tapa-buracos na cidade, quando dispõe de asfalto e do material necessário, ou quando terceiriza este encargo. No começo desta semana, por exemplo, um dos lugares onde houve aplicação de asfalto foi na Rua Anhanguera, na parte de cima da Perimetral e em frente a Simonetti Veículos. A empresa Pavidez, de Muzambinho, foi a responsável pela operação e outras vias da cidade estão na pauta de obras para receberem o benefício também.

No entanto, a quantidade de buracos pelos bairros é tanta que a demanda nunca parece diminuir. Gazeta divulga, nesta edição, dois locais que necessitam de serviços urgentes de tapa-buracos, sob pena de continuarem causando danos aos veículos e, principalmente, aos ônibus urbanos que circulam por elas. As duas ruas estão em bairros próximos: Vila dos Comerciários e Buenos Aires.

Na Vila dos Comerciários , com inúmeras vias esburacadas, uma das piores é uma rua bem curtinha chamada Reinaldo Miranda, transversal à rua Paschoal Fronteira. Ali os ônibus urbanos que atendem a região chegam a quase se chocar quando se cruzam em sentidos opostos: um, indo para algum bairro; outro, voltando em direção ao centro. Todo Circular que vai para o bairro Eduardo Cassucci ou volta por ele passa por ali. Num curto espaço de uns 15 ou 20 metros talvez, que é o comprimento da rua, há buracos enormes necessitando, há anos, de conserto.

Pior ainda está uma ponta da rua Sebastião de Paiva Machado, na esquina com a Avenida Dois, no bairro Buenos Aires. Como as fotos demonstram, há “crateras” no entroncamento das duas vias que sacodem de tal forma os carros e ônibus que por ali passam que é impossível transpô-las sem primeiro parar o veículo, engatar 1ª marcha e sair bem devagar para não quebrar algo na suspensão. Uma água que escorre continuamente de algum lugar situado mais acima e que fica represada ali contribui para a deterioração cada vez maior dos buracos.

Motoristas têm solicitado ao jornal que divulgue isso, na esperança de que a Prefeitura tome providências.  A administração tem divulgado que aguarda a liberação de R$ 2 milhões para recapeamento, oriundos do governo estadual, mas há solicitação de donos de veículos de que os tapa-buracos também não cessem porque consideram melhor isso do que nada ser feito.

Fotos

Esta é a rua Reinaldo Miranda, na Vila do Servidor: buracos tomam conta do espaço

Rua Sebastião de Paiva Machado, esquina com Avenida Dois, Buenos Aires: difícil atravessar

 

 

Confira também

Plantio de mudas neste sábado

Prefeitura Municipal São José do Rio Pardo   Plantio de mudas  neste sábado A Secretaria de ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *